terça-feira

Fora o topfull!

Pelo menos nos serviços públicos vai ser proibido cobrir o rosto
Comité parlamentar defende proibição do véu integral em França


Querem saber? Concordo. Se há limitações no minimo de roupa, também deve haver no máximo. Só mudo de opinião quando começar a ver gente de biquini nas finanças.

1 comentário:

Helena disse...

A tua última frase lembrou-me aquele não-escândalo que aconteceu numa repartição pública no Algarve, por causa de certas coisas que os funcionários (as funcionárias?) não podiam vestir.

Hoje encontrei na Zara uma mulher a fazer compras com o marido. Ele de touca branca (caramba, como é que aquele barretinho se chama?) e ela de olhos verdes. Todo o resto era preto. Por uns momentos pensei que podia ser uma alemã convertida ao Islão - os alemães costumam ser muito conscienciosos quando decidem fazer uma coisa.
Estava um calor insuportável dentro da loja, e a mulher com aquela roupa - tanto dá para o frio (hoje fazia 16 graus negativos na rua) como para o calor...

Mas algo me diz que isto não é apenas opressão da mulher. Algo me diz que há por aqui muito de afirmação de uma identidade.
Não sei se proibir é boa ideia.
Não sei mesmo - quer dizer: não tenho nenhuma ideia melhor.