segunda-feira

A posteridade e mais além

O Alexandre III da Macedónia morreu com 32 anos e 11 meses, tendo conquistado o mundo conhecido a leste do seu reino com meio-nome de salada de Verão. Eu? Eu nao consigo ver sangue. Portanto vai ser mais Harvey Milk. Aos quarenta terei que me associar a um grupo injustificadamente odiado e colocar-me em posiçao de ser assassinada (rápido) e ficar mártir de algo. Ahhh, fixe, ainda tenho algum tempo.

5 comentários:

Helena disse...

ó minha geniala, dúvidas existenciais e crises dessas é comigo, e com outra idade - não queiras subir aqui para o pedestal, que já está um bocadinho apertado (tem cá gajos com 60 e 70 anos, é um sufoco!). Tu vai e goza a vida, que de qualquer modo isto são dois dias. E eu vou um à frente...

Anónimo disse...

Tenho 31 anos. Dentro de pouco tempo terei um ataque de mau feitio igual ao teu. A bem dizer, quase me dá vontade de ter um ataque JÁ!

Beijos
SABINE

abrunho disse...

Não sei não, mas deve existir pela carta dos direitos humanos, o direito a uma crise...

Anónimo disse...

hihihi

Helena disse...

Olha, fui lá ver, mas só falam dos direitos básicos...
;-)

Então está bem: aproveita bem a crise, para que seja uma plataforma de passagem para algo melhor. Se hão-de servir para alguma coisa, deve ser para isso.