sábado

A cruz de ser portuguesa no estrangeiro

A proxima pessoa que me perguntar sobre o Cristiano Ronaldo vai receber o meu afamado olhar de arrogante-pila-grande-mamas-farfalhudas-seu-mentecapto.

P.S.: Isto sem qualquer juizo mau sobre o Cristiano. Mas presumo que o Cristiano ia fazer o seu afamado olhar fodas-mas-wat-the-fuck-dizes-tu-meu-cabrao, se lhe perguntassem sobre a minha pessoa.

P.S.2: E tambem nao sou especialista em peixe!

P.S.3: A piada sobre bigodes... Ah ah ahaaaaa zzzzzzzzzzzzzzzzzz.. Chatinha... Nao dava para inventarem outra?

Se nao sabem: em que dia e' que se vendem mais maquinas de barbear em Portugal? O dia da mae!

6 comentários:

underadio disse...

O Wesley é q a sabe toda...
http://www100cabecas.blogspot.com/2009/06/93-milhoes-de-pontapes-na-crise.html

sabine disse...

Sendo portuguesa em Portugal, também dispenso que me falem do Cristiano Ronaldo!

Helena disse...

Ora aqui temos um conflito de gerações: a mim, falam do Figo!!!
:-)

Mas é giro estar na China e alguém te dizer com uma grande sorriso: Figo!

abrunho disse...

A mim tb falavam do Figo. Mas o Figo já era... Há quanto tempo é que nao fazes férias fora?

Helena disse...

Na China? Há oito anos. Vou lá no próximo ano. A ver se os entendo quando disserem Clistiano Lonaldo.

abrunho disse...

Na India, quando eu disse que achava o Cristiano imaturo e que esperava que ele jogasse mais em equipa, responderam-me que nós os velhotes tinhamos de compreender a juventude! Foi a segunda vez que me chamaram velha na minha vida! Velha! Claro que num país em que uma mulher na minha idade é avó! Idiotas. Por acaso o tipo era mesmo idiota. Já casado pelos ditames da tradição e a atirar-se às estrangeiras. A ideia de que uma pessoa viaja todos aqueles quilómetros por sexo com homens de bigode ofende-me ainda mais que me chamarem velha.